Notícias

CONDROMALÁCIA OU DISTÚRBIO MUSCULAR?

 

Bom dia,

 

Você sabia que nem todo atleta que apresenta lesão de cartilagem sente dor?  E você sabia que o paciente pode apresentar dor na região da patela e esta dor ser de origem muscular ao invés de cartilagem?

 

Atendemos muitos pacientes com suspeitas de dores causadas por lesão de cartilagem do joelho, a popularmente conhecida: CONDROMALÁCIA PATELAR . Quando a pessoa sofre de sintomas causados por lesão de cartilagem, ela geralmente refere uma dor profunda na região embaixo ou ao redor da patela e que aparece em atividades como:  ficar sentado por muito tempo, subir e descer escadas, agachar, durante ou após a musculação  e, quando a dor é muito intensa, o atleta é incapaz de praticar seu esporte favorito.

 

Este texto serve para orientá-los que nem todas as dores que aparecem embaixo da patela ou ao redor dela são originadas por lesão de cartilagem, elas também podem ser reproduzidas por PROBLEMAS MUSCULARES. E, para ilustrar o que estamos dizendo, segue abaixo dois músculos que, quando doloridos, produzem os mesmos sintomas citados e nas mesmas atividades!! (observe que a área em vermelho, é a área que poderá sentir dor, caso o músculo esteja dolorido).

 

Além disso, mesmo que um paciente apresente uma Ressonância Magnética na qual observa-se lesões de cartilagem, não podemos descartar duas possibilidades:

 

  1. Este paciente não sente dor alguma, ou seja, é possível uma pessoa ter lesão de cartilagem e nunca ter experimentado dor no joelho.

 

  1.  que os sintomas sejam provocados por distúrbios musculares e/ou outros tecidos (tendão, ligamento etc)

 

Outra informação pertinente é que, assim como a lesão de cartilagem, um distúrbio muscular quando persiste por muito tempo, pode levar à fraqueza muscular, outro sintoma que pode ser tratado pela fisioterapia.

 

Vale lembrar que cada lesão requer um tratamento específico e, para fazer um diagnóstico preciso sobre a origem dos seus sintomas e programar o tratamento mais adequado, procure um especialista de sua preferência.

 

Observação: a foto 01 é o músculo reto femoral e a foto 02 é o músculo vasto medial.

 

 

Mobilità Fisioterapia